Procurar
Close this search box.
Flag
Logo, Leisure Activities, Person
Flag

Tudo o que você precisa saber sobre manutenção de molas para portas

Electrical Device

As molas hidráulicas para portas não recebem tanta atenção quanto as fechaduras ou maçanetas. No entanto, elas são itens essenciais para proteção e segurança. Além de serem um investimento bastante acessível, elas contribuem para a eficiência energética e podem até impedir a propagação de incêndios e salvar vidas.

Para garantir seu bom funcionamento e longevidade, as molas precisam de manutenção, bem como de alguns cuidados e ajustes. Aqui estão algumas coisas para ter em mente enquanto mantém as molas com pouco esforço ou resistência.

O Bem-Estar do Sistema de Entrada

Molas para portas são partes de um ecossistema de entrada, que inclui outros componentes, como a moldura da porta, dobradiças, fechaduras ou barras antipânico. Portanto, os gerentes das instalações devem garantir que os fechos das portas funcionem em harmonia dentro deste ecossistema.

Em grande parte do mundo, as especificações dos componentes das ferragens das portas são bem regulamentadas – e as molas hidráulicas não são exceção. Todos os componentes do ecossistema de entrada devem estar em conformidade com todas as regulamentações regionais e nacionais, que são projetadas para maximizar a segurança.

Portanto, uma vez que os gerentes das instalações tenham entradas em conformidade com os requisitos de qualidade, eles podem inspecionar o bem-estar da mola perguntando o seguinte: O balanço da porta está livre e adequado? As dobradiças precisam ser substituídas? A porta está alinhada com o batente?

Tomando medidas preventivas nas molas de porta

As molas de porta são dispositivos simples que podem funcionar sem problemas durante décadas. No entanto, administradores ou gerentes de instalações devem tomar medidas preventivas adequadas para manter sua segurança e longevidade. Isso começa a partir do processo de instalação, que deve ser feito por um técnico qualificado. Posteriormente, os tipos mais comuns e básicos de manutenção incluem ajustes, alinhamento e vedação contra intempéries.

Mesmo as molas mais novas e de alta qualidade, sejam elas de uso frequente ou não, são recomendadas a aderir uma rotina de manutenção planejada dependendo de critérios como localização, clima e o tipo de mola.

Durante esta rotina, é importante que os técnicos considerem as características dos usuários. Por exemplo, uma casa de repouso e uma academia teriam necessidades diferentes: os residentes de casas de repouso podem exigir menos resistência ao abrir a porta do que os frequentadores de uma academia. Assim, a melhor prática é ajustar a porta com essa sensibilidade em mente e revisar a resistência, conforme necessário.

Ativos bem conservados para segurança e conforto

Em caso de qualquer irregularidade que os gerentes das instalações não possam resolver, é fundamental obter assistência de uma equipe de manutenção profissional para solucionar os problemas.

Related articles